Filho esfaqueia o pai e mata rapaz que tentou apartar briga


Uma discussão familiar terminou em tragédia no Jardim Mutinga, em Barueri. Um desempregado partiu para cima do pai e o esfaqueou, durante uma briga na rua, em frente à casa da família.

E ainda matou, a facadas, um rapaz que passava pelo local e parou para tentar apartar a briga. Depois, fugiu enquanto outros familiares tentavam socorrer a vítima. O caso aconteceu no dia 23 de setembro, na avenida Diretriz, e foi divulgado nesta quarta-feira. 

Uma equipe da Delegacia de Barueri investiga o caso e busca pelo foragido. A ocorrência foi atendida, incialmente, por agentes da Guarda Municipal, que foram chamados ao PS do Mutinga para atender uma ocorrência de esfaqueamento. Chegando ao local, foram informados, por outro filho da vítima, sobre a ocorrência.

E ele confirmou que o irmão havia atacado o pai. Logo na sequência, os guardas foram  abordados por funcionários da unidade, que estranham o fato de um rapaz ter sido trazido ao Pronto-Socorro, também vítima de esfaqueamento, no mesmo horário e em local muito próximo ao primeiro ataque. 

Ele foi socorrido e trazido por testemunhas que passavam pela rua. Mas não resistiu aos ferimentos. A equipe foi até o endereço indicado e viu, no local, duas manchas de sangue, indicando que duas pessoas tinham sido feridas. Além disso, conversou com outro filho da vítima, que contou que viu apenas uma briga entre o irmão, que estava armado com uma faca, e o pai, que acabou atingido.

Eles continuaram as buscas e localizaram um irmão do rapaz morto e que apresentou versão diferente da família do assassino. Segundo ele, seu irmão foi tentar separar pai e filho e acabou atingindo pelo desempregado, que fugiu correndo. A polícia busca agora imagens de câmeras de vigilância da rua e possíveis testemunhas para dar continuidade às investigações.