Pregão para aquisição de uniformes é cancelado novamente


Tribunal de Contas do Estado pede suspensão do pregão. Não há previsão de data para entrega das roupas
O pregão presencial para aquisição e entrega de uniformes para a rede pública escolar de Barueri, que deveria ter ocorrido na quarta-feira, 29/3, foi suspenso mais uma vez. Segundo a Secretaria de Suprimentos, em comunicado emitido pelo secretário Toninho Furlan, o motivo seria uma determinação do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Não há data prevista para novo pregão.
A novela se arrasta desde o começo do ano e preocupa os pais dos alunos. Em novembro do ano passado, um pregão que chegou a ser finalizado foi revogado por “necessidade de reanálise do descritivo técnico” 
Ao ser questionada pelo Barueri na Rede sobre a suspensão do pregão, a secretaria de Suprimentos afirmou que “uma empresa entrou com representação junto ao Tribunal de Contas questionando as especificações do edital. No dia 28 de março, o conselheiro Dimas Ramalho determinou a paralisação. Até o dia 4 de abril a Prefeitura envia toda a justificativa para que o processo entre novamente em andamento normal.”
BnR visitou o comércio local e verificou que a venda dos uniformes antigos ainda continua, porém com baixa procura. “Alguns compram, mesmo porque os uniformes antigos devem continuar a ser utilizados. Mas atrapalha as vendas”, afirmou uma comerciante que não quis se identificar.
As informações são do site Baruerinarede.