Cauda de sereia de Isis Valverde custa R$ 40 mil


Se na vida real Isis Valverde ostenta peças caríssimas, nas telinhas sua personagem a supera. Interpretando Rita na trama das 21h “A Força do Querer”, a atriz ostenta em cena uma vasta cauda de sereia – que não é nada barata!
A equipe de figurino demorou 90 dias para confeccionar a peça que, segundo a professora de sereismo de Isis, Mirella Ferraz, pode chegar a custar R$ 40 mil. “Hoje em dia o mercado de roupas de sereia é muito forte no Brasil e em diversos outros países.
Elas são feitas de silicone, então são perfeitas. Tem escamas em 3D. A da Isis é deste modelo, mais cara, com 30 quilos, escamas perfeitas e custa uns R$ 40 mil”, disse em entrevista ao “Ego”.
De acordo com Mirella, a cauda é feita de neoprene, tecido característico de roupas para atividades aquáticas, e a nadadeira de monofin. “Tudo muito profissional e um pouco caro”.
Em entrevista ao “GShow”, Isis falou sobre as dificuldades em usar a cauda. “A dificuldade de nadar com a cauda existe, mas, como eu treinei três meses para fazer isso, hoje pulo com ela e já saio nadando. Não tenho mais esta dificuldade. Ela é pesada, o movimento é difícil, mas você treina seu corpo para isso. É uma questão de entrega e vontade, é fazer dar certo”.
Ao todo foram quatro meses de preparação, onde a atriz aprendeu como nadar corretamente, manter os olhos abertos embaixo d’agua e apneia. “O mergulho de uma sereia é completamente diferente. Você não bate as pernas, elas ficam juntas. Ensinei também a Isis a aguentar mais tempo sem respirar durante o nado. Ela precisou aprender toda uma expressão corporal e facial nos mergulhos. Uma sereia não pode soltar bolhas de ar, tem que ficar com os olhos abertos e fazer algumas acrobacias. Nós treinamos giros, cambalhotas, nados com o cabelo, que são suas armas de sedução”, completa Mirella.