Moradores do Sitio do Morro de Santana de Parnaiba-SP,são abandonados pela SABESP






....


No ultimo dia 09/10/11, moradores do sitio do morro de Santana de Parnaíba, reuniram na paroquia da igreja do bairro para discutir a agua que nunca chegou até suas casas.

Abrindo a reunião, Sr. Daniel Ruzza morador mais antigo do bairro disse que nunca foram ouvidos pela Sabesp, dizendo ainda que são ignorados por essa empresa, mais eles se esquecem, que no bairro moram, pessoas idosas, crianças recém-nascidas, e pessoas de bem, só queremos uma coisa, ÁGUA e RESPEITO.

Pudemos ver no local a revolta dos moradores, isso aqui é um absurdo, temos que ter poço para ter agua, e quem não tem condições para fazer um poço? Como que fica, pergunta o morador Sr.Geraldo.

Representando a SABESP, Rui da Sabesp como é conhecido disse que iria levar as reivindicações para empresa (SABESP), fazer uma pesquisa no local e ver qual melhor alternativa concluiu.

Já o ambientalista NUNES, que é formado em direito ambiental, disse que não se pode esperar mais, que isso é uma necessidade básica que o povo esta cansado de pagar por um desserviço da SABESP, sei da competência do RUI, e ele esta vendo que é uma necessidade para o povo, precisamos urgente ser ouvido, o que queremos aqui, é que sejamos tratados com respeito, só queremos ser ouvidos, não queremos nada de graça, finalizou.















NUNES(esquerda)e Rui da Sabesp.


Isso é uma vergonha, temos que se humilhar para isso acontecer, não queremos nada de graça, somente que a Sabesp nos escute, sofremos muito com a falta de agua, muitas pessoas ficam doentes com a agua de poço, temos que comprar agua, e ninguém esta nem ai com a gente, mais isso vai mudar, seu Daniel Ruzza, e o NUNES disse que vai até falar com o governador(Geraldo Alkimim) se for preciso, é uma necessidade, e não um luxo, se fosse em Alphaville pode ter certeza isso estaria resolvido disse dona Maria Teresa da Silva de 52 anos.